Louca sua miga

31 de mar de 2017

Adaptações de Nicholas Sparks pro cinema pra você se apaixonar

Imagem: Tumblr

Oieeee genteeeeee!!! Esses dias estava querendo um filme para assistir na Netflix e acabei pegando Um porto seguro, adaptação do livro de Nicholas Sparks para o cinema. Quem não conhece esse escritor, afinal? Que fez a gente morrer de tanto chorar com Um amor para recordar? Acabou que, obviamente, chorei horrores no final desse também. Daí, plin, uma luz se acendeu na minha mente e, por que não fazer um post com os filmes adaptados das histórias dos livros do escritor-fã-de-choros-para-suas-leitoras? Assisti alguns durante a semana, no meio da correria do mestrado, só para fazer esse post aqui pra vocês!!! Vamos todos juntos fingir que caiu vários ciscos no olho.


Imagem: Divulgação

Um porto seguro 
(2013 - Drama/Romance)

O filme é de 2013, e conta com as atuações de Josh Duhamel (Quando em Roma e Juntos pelo acaso) e Julianne Hough (Grease: Live! e Burlesque) nos papéis principais, Alex e Katie, respectivamente. Katie está desesperada para mudar de vida. Algo aconteceu que fez com que tivesse que escapar da sua casa, como uma fugitiva. Acaba encontrando uma cidade pacata e extremamente afastada como o seu porto seguro, acreditando que aí ela poderia começar do zero. Nessa cidade conhece Alex, dono de uma lojinha e pai de duas crianças super fofas, mas sua esposa morrera de câncer anos antes, não se envolvendo com ninguém desde então. Katie é uma mulher muito fechada e prefere não fazer amigos nesse novo lugar, mas isso não impede da sua nova vizinha Jo (Cobie Smulders - How I met your mother e Os vingadores), visitá-la e enchê-la de perguntas. As duas no final acabam virando amigas. Enquanto isso, a amizade de Alex e Katie também parece crescer, assim como o seu carinho para a filha caçula dele, Lexie. Achei a história muito pura e muito bonita. A gente consegue sentir o envolvimento sincero dos atores, principalmente a química entre Josh e Julianne. Muito incrível. Sem contar que, tem um primeiro beijo nesse filme que... QUE PRIMEIRO BEIJO FOI AQUELE???? Não li o livro ainda, mas certamente irei ler, porque me apaixonei perdidamente pelos personagens. Assistam. Vocês vão chorar, mas vão amar cada detalhe. Tenho certeza disso. E o final é surpreendente. Nada do que vocês possam imaginar.

Imagem: Divulgação

O melhor de mim 
2014 - Drama/Romance

A história é dividida em antes e agora. Se eu chorei muito no filme acima, nesse aqui eu debulhei em lágrimas que dava até pra encher um rio na seca. Sério mesmo. Não sei porque Nicholas faz isso com a gente. Acho que ele gosta de ver mulher chorando, só pode. A história é tocante, com personagens muito bem montados, como tudo que o escritor faz. Dawson (James Marsden - Encantada e Vestida para casar/ Luke Bracey - Até o último homem e Montecarlo)  e Amanda (Michelle Monahan - Missão impossível 3 e PixelsLiana Liberato - Ligados pelo amor e Se eu ficar) se apaixonam perdidamente quando estão terminando o colégio. Ela vem de uma família tradicional e ele de uma família que todos querem distância. Mas isso não é motivo para Amanda fugir dele, muito pelo contrário, ela não se importa de onde ele vem, mas com o que ele é, e Dawson está longe de se parecer com a sua família. Acontecimentos fazem com que ele se mude de casa, invadindo um local. Só que ele não sabia que aquele local viraria algo que mudaria a sua vida. Porém eles acabam se separando, não se vendo por 20 anos. Ou melhor, 21, mas quem está contando? Algo faz com que se reencontrem, mas será que o reencontro vai ser o suficiente para fazer esquecer todo esse tempo em que estavam separados? Será que o amor que um nutria pelo outro ainda existe? Sério, assistam, porque nossa, ainda estou até agora tentando assimilar o que foi tudo isso. Também ainda não li o livro mas, tá na lista, com certeza!!! Preciso dizer que o Luke Bracey, que faz Dawson em antes é muito lindo e me apaixonei. Ele tem um quê de Heath Leadger em 10 coisas que odeio em você, não pude deixar de notar.

Imagem: Divulgação

A escolha 
2016 - Drama/Romance

Que filme. Que filme. Que filme. Que filme. Vou confessar uma coisa aqui pra vocês, papo off: eu quase desisti desse filme. Sério. Porque achei o início tão zzzzzzzz e a voz do ator com aquele sotaque sulista carregado além da conta me irritou um pouco que eu quase troquei o filme por outro. Mas dei uma chance. E carambaaaaaaa. A intenção era odiar mesmo o personagem no início, mas pra depois a gente amar perdidamente. Coisa de Nicholas Sparks, como sempre. Travis (Benjamin Walker - Abraham Lincoln: O caçador de vampiros e No coração do mar) é um cara que se parece muito comigo, não acredita em relacionamentos. Ele acha que nasceu pra ficar só. Não se importa com isso e tenta não se apegar a ninguém, porque ele sabe que essas coisas são passageiras, pelo menos pra ele. Já Gabby (Teresa Palmer - Meu namorado é um zumbi e Até o último homem) é uma aluna de medicina super aplicada e inteligente, que acaba de se mudar para a casa ao lado da de Travis, só que ela se irrita completamente com o jeito do cara. Suas manhas, seu som alto e, oh céus, o fato do seu cachorro engravidar a cadela dela!!! Gabby tem uma vida montada que parece ser promissoramente muito bonita. Uma carreira de sucesso dentro do hospital, seu relacionamento firme com o médico Ryan (Tom Welling - Smallville e Doze é demais). Tudo está nos conformes, tirando o fato que ela tem o vizinho mais irritante do universo. Ela simplesmente odeia Travis, mas a reciproca é verdadeira, porque ele também não suporta Gabby, que sempre é tão difícil pra ele e só sabe dizer não e vir brigar, quando ele só quer ficar em paz. Mas será que eles irão apenas brigar até o resto da vida? E só para constar, sim, eu chorei. Ou não seria uma história de Nicholas Sparks. Sem contar que, eu AAAAMEEEEEI ver o eterno Superman em ação de novo. Somebody saaaaaaaaave meeeeeee desse mar de choro desse filme porque é tiro e bomba galeraaa. O filme também conta com as atrizes Maggie Grace (Saga Crepúsculo - Amanhecer Parte 2) e Alexandra Daddario (Percy Jackson)




LEIA MAIS

2 comentários:

Postar um comentário

 
Design exclusivo | Cópia proibida © 2016