Louca sua miga

8 de dez de 2016

Carta pra você que partiu meu coração


Escrito por Maya Quaresma
08 - Dez - 2016 às 17:11h

CARTA 3

Esses dias eu estava tranquilamente passeando pelas redes sociais. Vendo uma coisa e outra. Acabei entrando no instagram. Confesso que estou meio viciada nesse aplicativo, olha. Pois é. Logo eu, que levei uma vida para comprar um celular mais moderno e baixar o tal do whatsapp e afins, não saio mais dessa coisinha que que faz a gente querer postar mil fotos e curtir mais outras mil. Mas, voltando ao que eu queria te dizer. Estava eu no instagram, naquele meu momento meio automático, olhando foto, apertando no coração, olhando foto, apertando no coração. Mal leio as legendas mais. Mal analiso as fotos, só vou passando, só vou rolando. Até que, eu olhei uma sua.

Poderia ser uma foto como outra qualquer. Se ela não estivesse abraçada com você.

Poderia ser uma foto como outra qualquer, mas ela estava abraçada com você.

Eu sei. Eu sei. Faz o que? Quase um ano que a gente terminou. Há quase um ano que não sinto teus lábios nos meus. Há quase um ano não sinto teus dedos entrelaçando os meus. Há quase um ano eu não sou mais tua. Há quase um ano não ouço tua voz me ligando quando chegava do trabalho e me contando sobre o seu dia. Há quase um ano não olho mais praqueles olhos tão pretos. Tão misteriosos. Que eu nunca conseguia ler, ao contrário de você, que sabia ler minhas entrelinhas melhor às vezes do que até eu mesma. Há quase um ano que eu ando por aí, perdida, querendo apenas ser encontrada. Talvez encontrada por você.

Talvez...

Talvez...

Talvez só esperando que você viesse e dissesse que aquilo tudo era uma mentira. Que você nunca quis terminar. Que você nunca quis virar as costas pra mim. Não depois do que a gente viveu. Não depois do que a gente conseguiu passar pra ficarmos juntos. Não depois de eu me apaixonar. Não depois de você chorar dizendo que nunca tinha sentido algo assim antes por ninguém.

Talvez eu estivesse apenas esperando que você batesse na minha porta e dissesse que me ama, que lutaria por mim de novo. Que ficaríamos juntos. Mas ela estava abraçada a você na foto. E agora ela é sua e você é todo dela. Enquanto estou aqui, apenas escrevendo momentos respingados de um passado que só eu volto. De um passado que eu já deveria ter deixado exatamente lá, no passado. Guardando momentos que são apenas momentos. De algo que não vai voltar. De algo que eu deveria desapegar. 

Você partiu meu coração. De formas infinitas. De formas que eu nunca sei dizer em palavras. Nunca. Você partiu meu coração. Mas ainda queria que fossemos um casal. Por que sou idiota? Por que sou boba? Por que sou ingênua? Por que sou... sei lá. Porque eu acredito em segundas chances e acreditava que isso poderia acontecer com a gente porque eu acreditava que era com você e talvez por isso que eu sempre me burlava quando conhecia outra pessoa. Porque você estava lá, preso na minha mente, me impedindo de viver algo real e verdadeiro com qualquer outra pessoa.

Mas você seguiu em frente. Por que eu não posso?

Você partiu meu coração. Mas cacos também podem se colar. Não quero uma foto abraçada com alguém. Agora me basta saber que, você está feliz. E que agora me sinto definitivamente livre, pra ser feliz por mim mesma também. Sem ter que esperar por alguém que eu sei, nunca vai voltar. 

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design exclusivo | Cópia proibida © 2016